Uva e Vinho

Roteiros Turísticos

Ferrovia Tronco Principal Sul e a Travessia Feitor Faé – Jaboticaba

Ferrovia Tronco Principal Sul e a Travessia Feitor Faé – Jaboticaba

Cidade: Bento Gonçalves

Tema: Natureza

O trecho de Bento Gonçalves ao Rio das Antas estava pronto desde 1951, mas sem importância estratégica, onde não havia ainda o projeto Tronco Sul.

Em 1967, a Estação de Jaboticaba foi inaugurada e passou a ser o entroncamento entre a linha Mafra-Lages-General Luz (Tronco Principal Sul) e o ramal de Bento Gonçalves, bem mais antigo e aberto em 1919, ligando Bento Gonçalves a Carlos Barbosa, na linha Porto Alegre-Caxias do Sul.

Em 1978, havia um trem turístico chamado de Trem da Uva, que fazia o percurso Jaboticaba-Bento Gonçalves, ida e volta.

Segundo Coaraci Camargo, o trajeto da linha após passar pela estação de Jaboticaba era extremamente curioso: vinna de Roca Salles e acompanhava o Rio das Antas, passava pela estação, estando esta ao lado do rio e, logo em seguida, no ponto em que o morro da Jaboticaba encontra com as margens do rio numa curva, entra por um túnel, onde, dentro dele, se bifurca, saindo dele duas linhas: a que imediatamente cruza o rio por uma ponte, no sentido de Vacaria, e a que sai do outro lado do morro.

Ali, entrava por outro túnel, saia sobre o morro em curva, para seguir no sentido de Bento Gonçalves com um desnível de cerca de 300 metros em relação à entrada da linha no primeiro túnel.

Entre a estação de Jaboticaba e a de Bento Gonçalves há cerca de 48 km de linha, que, por não estar sendo utilizada há anos, está sem condições imediatas para aproveitamento pela concessionária Giordani Turismo, que conseguiu em 2004 a concessão para explorar turisticamente também o trecho.

Para que se tenha uma idéia, um dos túneis abandonados é "explorado" por empresas de trilhas, que entram nele sem lanternas e, na saída, praticam "rapel" no viaduto da linha. A estação tinha até (2006) cinco desvios além da linha principal e da saída do ramal, e estava servindo como moradia, depois de ter ficado abandonada por um bom tempo.

Confira mais informações relacionadas nos links abaixo:

Site Trekkingrs.com: bit.ly/2VXcH0N

Site Mochileiro.com: bit.ly/2MdBDfY

Fontes: J. C. Kuester; Marcelo Ferrari; Vitor Hugo Langaro; Coaraci Camargo; Coaraci Camargo; Tarcisio Schiavo; Emanuel Marcos Cruz e Prado: Primeiro Batalhão Ferroviário Benjamin Constant - 142 anos de História; www.veranopolis-rs.com.br)  

Galeria de Fotos

  • Foto: Cacius - Mochileiros.com
  • Cacius - Mochileiros.com
  • Cacius - Mochileiros.com
Voltar