Uva e Vinho

Nova Araçá

Nova Araçá

Nova Araçá pertencia ao município de Lagoa Vermelha sob a denominação de Núcleo Colonial de Araçá. Este nome segundo o depoimento de pessoas mais idosas e descendentes dos primeiros habitantes, foi devido à ocorrência de Araçás, frondosas árvores que cresciam a beira do arroio, hoje denominado Araçá e que servia como abrigo e ponto de encontro.

Houve uma época em que estas terras fora denominadas popularmente de Matto Del Signore, pois os moradores vizinhos não sabiam quem eram os verdadeiros donos.

Em 1932 Araçá passou a pertencer ao município de Nova Prata como 4° distrito. Em 1945 passou a denominar-se Nova Araçá.

A partir de 12 de abril de 1965 foi instalado oficialmente como município. Habitada essencialmente por imigrantes italianos, os quais para fixarem residência, o fator predominante era ter água, uma preocupação que evidenciava-se em toda região de influencia da colonização italiana. Imigrantes estes que chegaram mantendo a fé e os costumes de seus antepassados.

Nova Araçá possui uma superfície de 54 km². Está situada na região da Encosta Superior do Nordeste, estando à sede do município a 806 metros de altitude.

A densidade demográfica é de 45,8 hab/km² (2003) população total de 3.775 habitantes (censo 2007), taxa de urbanização (2003): 64,4%, taxa de analfabetismo (2000): 5,35%, expectativa de vida ao nascer (2000): 72,92 anos.

O relevo de Nova Araçá é caracterizado por morros, vales e pequenas áreas planas utilizadas para a agricultura.

A produção primária é a base econômica do município, destacando-se a produção de milho, pois está associado à criação de suínos, bovinos de leite e aves de corte. Nas pequenas propriedades rurais é o milho, a fruticultura e a oleicultura que predominam, com incentivos da Emater e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, que proporcionam aos agricultores novos conhecimentos com visitas, orientação e palestras de técnicos.

A indústria vem apresentando grande crescimento e gera empregos e desenvolvimento para a cidade, destacando-se a produção de móveis, esquadrias metálicas e fabrica de calçados. Destaca-se o Frigorífico local com grande produção e abatimento de suínos e aves.

O comercio está concentrado na sede e na Vila Zucchetti, composto por lojas diversas de confecções, calçados, eletrodomésticos, mercados, insumos agrícolas e materiais de construção.

Destaca-se a devoção a Nossa Senhora do Rosário de Fátima, Padroeira do Município, comemorada no dia 13 de outubro de cada ano.

Na gastronomia destacam-se a saborosa culinária típica italiana, além de ter adquirido costumes próprios da região.

Principais pontos turísticos: Igreja Matriz Nossa Senhora de Fátima, Gruta Nossa Senhora de Lurdes, Passo Velho do Afonso – Balneário Rústico localizado às margens do Rio Carreiro, Irmãos Frasson & CIA Ltda, Casa José Frasson.

Principais eventos: Rodeio Crioulo Interestadual, Festa Italiana, Semana da Cultura, Festa de Carnaval, Festival de Dança- Arte em Dança, Festejos religiosos: Festa em honra a Nossa Senhora de Fátima- padroeira do município, Festa em honra a Nossa Senhora de Lurdes na Gruta.

Voltar